Navegue!

3.4.14

Animerp - Parte 2: Oficinas e vivências (2/2)

Aqui trago a segunda parte da segunda parte... Isso soa estranho mas não consigo achar um termo melhor. Bem, não publiquei o artigo diário porque era aniversário da minha mãe e tal e eu não estava inspirada para escrever, bem, ela é falecida... Mas isso não vem ao caso agora, o que importa é que eu estou de volta.

Dando continuidade à primeira "parte" da segunda parte...


Na oficina "Mangá: Onomatopeias e símbolos, com o instrutor Roberto Moriama, aprendemos que o grande diferencial do mangá em relação aos comics americanos está nas onomatopeias e símbolos utilizados. As onomatopeias não respeitam o limite do quadrinho e muitas vezes ultrapassam a página, são o desenho da expressão dos personagens, dando mas ênfase àquele discurso. Nessa oficina foi demonstrado como determinados ruídos ou gritos podem ser criativamente transformados para gerar maior impacto na história.

Tivemos também a oficina de Kanji, com Akira Saito, ensinando para todos os ideogramas japoneses que surgiram na China, utilizados em diversas partes do mundo.

Recortar papéis, juntamente com o origami tradicional, deu origem à arte dos cartões tridimensionais, que tem sido popularmente divulgados como kirigami. Os cartões são montados a partir de cortes, dobras e encaixes de papel;


Na oficina de Toy Art tinha muita gente aprendendo a montar bonecos de tecido com a instrutora Paula Dias, abusando da criatividade, teve uns que ficaram muito legais, tipo o do irmão da Ririn hehe.

O bentô é uma refeição completa acondicionada numa caixa para ser facilmente transportada, nessa oficina aprenderam o preparo do bentô, além disso o preparo do gohan, com a instrução de Claúdio Kitamura.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Reaja e comente!